3 PASSOS PARA UM ESBOÇO DE PREGAÇÃO

Como fazer um esboço de pregação

esboço de pregação

Como fazer um esboço de pregação?

Muitos tem dificuldades em preparar um esboço de pregação, pois na maioria das vezes essa dificuldade está em montar o esboço.

Vou dar 3 dicas fundamentais para preparação de um esboço, são 3 passos importantes que vão lhe ajudar muito, então vamos lá.

Mesmo que ainda não tenha experiências em pregar a palavra de Deus, com esses passos simples podemos elaborar um bom esboço de pregação.

passos para o esboço
passos para o esboço

Passo 1 – Ler o texto

O nosso primeiro passo então, para se elaborar um esboço de pregação é ler o texto.

Lembrando, que antes e durante esses passos, precisamos orar, pois a oração deve ser prioridade e o meio pelo qual recebemos de Deus a inspiração para elaborar nosso esboço.

Mas depois de orar e pedir a Deus sua direção, vamos fazer a nossa parte, que é ler o texto escolhido.

Devemos fazer uma leitura cuidadosa para interpretar corretamente o texto bíblico e assim montar nosso esboço.

Dicas para a leitura:

  1. Leia várias vezes.
  2. Faça anotações.
  3. Leia meditando.

Passo 2 – Interpretar o texto

Depois de uma boa leitura, então é hora de interpretar o texto e descobrir o assunto dele.

Lembrando que um texto, dependendo, pode ter mais que um assunto, mas, para esse exemplo vamos encontrar apenas um.

O que fazemos então, para encontrar o assunto ou tema no texto e montar nosso esboço?

Existem algumas regrinhas na hora de interpretar um texto, que usamos para que facilite a tarefa.

Uma das regras é analisar o contexto em que esse texto está inserido, pois, já disse alguém “texto sem contexto é pretexto”.

Usar outras traduções ou versões da bíblia é outra regra que nos ajuda muito, porque, existem algumas traduções que são mais antigas, tornando assim sua linguagem distante da nossa.

Portanto, quando consultamos esse texto em várias traduções, facilita muito o entendimento do mesmo.

Uma outra regra para interpretar um texto, é fazer perguntas como: Quem escreveu, porque escreveu, onde, quando, para quem?

Esses tipos de perguntas ajudam muito a entender um texto, por isso, precisamos ter o costume de sempre fazer esse questionamentos.

Uma regra importante que usamos também, para que, a interpretação desse texto é certa, outros textos da bíblia precisa estar em harmonia.

Para que, tenhamos um bom resultado, podemos usar ferramentas de auxílio, como: dicionários, concordâncias e comentários bíblicos.

Quer aprender mais sobre como pregar, então veja: Como pregar pela primeira vez?

Materiais de ajuda na interpretação

Existem materiais excelentes para nos ajudar na interpretação dos textos bíblicos, e assim facilitar na elaboração do esboço de pregação.

Um excelente material que auxilia muito, é um dicionário bíblico porque a bíblia foi escrita em uma linguagem antiga e de cultura diferente da nossa.

Por isso ter um dicionário bíblico ajuda muito na interpretação correta do texto e elaboração do esboço de pregação.

Outra ferramenta que pode ajudar muito é são bons comentários bíblicos, pois os comentaristas normalmente investem muito tempo em pesquisas e estudos.

Portanto, usar comentários bíblicos facilita muito o entendimento de certos textos e assim a elaborar um bom esboço de pregação.

Um excelente material e que eu recomendo muito são as bíblias de estudos, pois, além de serem muito completas, é mais fácil de ser usada pelos iniciantes na pregação.

Passo 3 – Organizar as ideias para o esboço de pregação

partes do esboço de pregação

Depois de ler, interpretar, então nos resta organizar as ideias no esboço de pregação.

Como organizar as ideias então, no esboço de pregação?

Organizar as ideias é pôr em ordem no esboço as informações, para que tenhamos uma esboço de pregação organizado e fácil de usar.

No nosso esboço de pregação vamos colocar somente as informações necessárias e os pontos principais, pois assim facilita na hora de pregar.

Quais são essas informações importantes que devem então conter em um esboço de pregação?

São os pontos principais, como: Um texto, um título, uma introdução, as divisões e uma conclusão, para que assim nosso esboço fica completo.

Enriqueça sua pregação usando uma boa ilustração para valorizar e esclarecer seu tema, pois as ilustrações também deixam a pregação mais interessante.

Característica de um bom esboço de pregação

Um bom esboço de pregação é aquele que contribui para que o pregador transmita sua mensagem de forma clara e eficaz.

E o que podemos colocar então? essa é uma dúvida de muitos, porque há uma certa questão sobre o uso do esboço.

Eu creio que é uma particularidade de cada um, porque vai depender muito do tipo de pregação, do costume do pregador, enfim, há vários fatores que influenciam.

Portanto, isso é uma questão de se adaptar, o pregador precisa ver o que é melhor para ele, pregar com ou sem esboço de pregação.

Elabore um esboço de pregação do sermão expositivo, temático e textual. então veja também esse artigos:

Estrutura de uma esboço de pregação

Um esboço de pregação é organizado em partes, e cada parte dele tem sua importância, portanto vamos ver a seguir a estrutura de um esboço de pregação:

O texto

Sem um texto bíblico não temos uma pregação bíblica, por isso em um esboço de pregação precisa-se ter um texto bíblico.

Um tema

O tema é o assunto que o pregador vai pregar. O tema sai do texto bíblico, mas o pregador pode ter um tema já em mente e aí ir na bíblia buscar um texto, isso é o que chamamos então de sermão temático.

Tópicos ou divisões principais

Depois do tema escolhido, o pregador vai organizar suas idéias tiradas do tema, é aí então que precisamos colocar essas idéias em ordem nos tópicos.

Esses tópicos ou também chamadas de divisões principais podem ser enumerados por algarismos romanos, exemplo: I, II, III.

Conclusão

Na conclusão, o pregador vai concluir um o assunto da sua pregação, ou seja, ele vai chegar a uma conclusão e também, pode fazer um apelo.

A Introdução

A introdução é onde o pregador vai chamar a atenção dos ouvintes para sua pregação, por isso deve ser interessante. Nela o pregador também pode anunciar seu tema e já fazer a ligação para o seu primeiro tópico.

A introdução pode ser feita por último no esboço de pregação, porque depois do esboço pronto, fica mais fácil para o pregador saber como pode iniciar o assunto.

O título

O título da pregação é o nome dado a ela, diferente do tema, porque o tema é o assunto, já o título é o nome, e por isso pode ser breve, mas precisa ser interessante.

Como a introdução, o título também pode ser colocado por último.